Diferença entre Retro e Vintage!

Vintage significa clássico e antigo, que já foi usado, mas esta em ótimo estado e tem qualidade vintage.

Além disso, se refere ao estilo das décadas 1920 à 1960.

Origem do Termo Vintage

A expressão vintage tem origem anglo-francesa sendo inspirada do latim.

A palavra “vintage” vem de “idade do vinho”, a quantidade de anos para que a bebida esteja em seu melhor ponto – e, como se sabe, vinho é algo que envelhece bem.

No mundo da moda vintage são roupas e acessórios antigos que marcaram as décadas passadas.

O estilo vintage trás de volta looks das décadas de 20, 30, 40, 50 e 60.

Nos Estados Unidos e outros países, lojas vintage são estabelecimentos com itens e roupas antigas sendo o mesmo que os brechós no Brasil.

A diferença entre Retro e Vintage

Vintage

É considerado vintage qualquer peça antiga.

Entretanto, peça antiga que tenha menos de 20 anos.

Porém esses objetos não devem passar dos 100 anos, porque a partir dai seriam considerado antiguidade.

Retro

Diferença entre Retro e Vintage

Quem acompanha o mundo fashion vem notando que a moda retro esta em alta!

No mundo da moda retro são peças inspiradas em tendências antigas.

Mas, são apenas usadas como inspirações para novas produções.

O termo retor teve origem na década 60 na França, como abreviação de retrogrado.

Assim, pode ser considerado uma reinterpretação de um estilo antigo em tempos atuais.

Exemplo, uma peça nova com aparência e traços antigos.

Além disso, tanto o vintage quanto o retro também são usados em decoração.

Decoração: Diferença entre Retro e Vintage

Vintage: as peças da vovó ou mesmo da sua mãe

Vamos começar pelo mais antigo.

Vintage se refere a peças originalmente antigas e que tenham pelo menos 20 anos de fabricação.

Portanto, isso significa que qualquer peça de decoração que tenha sido fabricada de 1999 para trás é vintage.

Por uma questão de estilo, é mais comum que esses itens sejam dos anos 1920 (a explosão da Bauhaus e do modernismo) aos 1970 (tudo muito hippie e colorido).

Retrô: o novo com carinha de antigo

Um sofá, um jogo de almofadas ou qualquer peça que seja inspirada em um estilo antigo, mas tenha sido fabricada atualmente, é retrô.

Trocando em miúdos: desenhado agora, fabricado agora, com carinha de anos 1990 para trás é retrô.

Ou seja, o lance aqui é a referência.

Neste caso, não serão itens herdados de família.

Você os compra em lojas convencionais (não antiquários) ou os ganha de presente mesmo.

Leia também: Camiseta: Uma peça democrática ou popular?

Siga nossa Fanpage e receba conteúdos diariamente: Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui